Início Jornalismo Notícias Fapergs lança chamada para pesquisa na área do SUS com investimento de...

Fapergs lança chamada para pesquisa na área do SUS com investimento de R$ 7,5 milhões; inscrições vão até 9 de outubro

143
0
Foto: Robina Weermeijer/Unsplash

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs) lançou uma chamada do “Programa Pesquisa para o SUS: gestão compartilhada em saúde (PPSUS)”. A finalidade é apoiar e fortalecer o desenvolvimento de projetos que busquem soluções para as prioridades de saúde no Sistema Único de Saúde (SUS). A iniciativa também pretende incentivar atividades de pesquisa científica, tecnológica e de inovação que promovam a melhoria da qualidade da atenção à saúde em temas prioritários para o Rio Grande do Sul.

Os eixos temáticos e as linhas de pesquisa visam orientar a seleção e o fomento de projetos destinados à produção de conhecimentos inovadores, que colaborem para a superação de problemas de saúde. As propostas deverão atender às linhas de pesquisa dos seguintes eixos:

Eixo 1 – Morbimortalidade de doenças prevalentes infecciosas e não infecciosas
Eixo 2 – Gestão e Qualificação da Rede de Atenção
Eixo 3 – Ações de educação para o SUS
Eixo 4 – Desenvolvimento, monitoramento e avaliação de tecnologias em saúde
Eixo 5 – Determinantes e condicionantes socioambientais do processo saúde/doença

A submissão pode ser realizada até 9 de outubro pelo Sistema de Informação de Ciência e Tecnologia em Saúde (SISC&T), disponível no endereço http://sisct.saude.gov.br/sisct, e por meio do SigFapergs (Sistema de Informação e Gestão de Projetos), disponível no endereço eletrônico http://sig.fapergs.rs.gov.br

O secretário de Inovação, Ciência e Tecnologia, Luís Lamb, parabenizou as equipes das instituições parceiras pela atuação neste momento atípico, que exige esforço e dedicação de todos. “Temos uma grande expectativa de que os pesquisadores darão uma contribuição significativa para o SUS, que tem sido uma grande estrutura em prol da saúde da população. Em um momento de crise como agora, estas pesquisas serão ainda mais compreendidas e valorizadas, porque levarão soluções para a saúde pública”, destaca o secretário.

Esta é a sétima edição do PPSUS. “Em todas as edições, sempre houve um grande engajamento da comunidade científica, que no Estado é extremamente qualificada na área da saúde. Serão investidos R$ 7,5 milhões, sendo R$ 4,5 milhões do Ministério da Saúde e R$ 3 milhões da Fapergs, para atender um número expressivo de propostas, que trarão soluções e contribuições importantes na área da saúde”, afirma o diretor-presidente da Fapergs, Odir Antônio Dellagostin,

A chamada lançada pela Fapergs, vinculada à Secretaria de Inovação, Ciência e Tecnologia (Sict), é em parceria com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), com o Ministério da Saúde – Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde (Decit/SCTIE/MS) – e com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

A chamada foi anunciada em reunião on-line que também contou com a presença da coordenadora nacional do PPSUS, representando Ministério da Saúde, Merge Tenório; da representante do CNPq, Suzana Raquel de Oliveira; da representante da Escola de Saúde Pública, Karen Cardoso; e do integrante do Ministério da Saúde, Leonardo Machado.

Com informações da ASCOM Fapergs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui