Início Jornalismo Notícias Os maiores partidos do RS em número de filiados. E quais mais...

Os maiores partidos do RS em número de filiados. E quais mais cresceram e encolheram nos últimos seis meses

687
0
Foto: Divulgação/TRE-RS

O MDB, o PDT e o Progressistas mantêm, com folga, a dianteira no número de filiados no Rio Grande do Sul. Em comum, os três também apresentam crescimento nos filiados em uma comparação dos números de outubro de 2019 e abril de 2020. O MDB saltou de 233,6 mil filiados para 238,4 mil (2,05%); o PDT, de 228,3 mil para 233,1 mil (2,12%); e o Progressistas (PP) de 199,8 mil para 205,5 mil (2,88%).

Na sequência estão o PT, atualmente com 136 mil filiados, o PTB, com 119 mil, o PSDB, com 94 mil, e o PSB, com 58 mil. O DEM está logo na sequência, com 53 mil, e o Republicanos, com 27,2 mil. Este último é, entre os dez primeiros, o que apresentou maior crescimento percentual nos últimos seis meses, saltando 18,4%. O partido costuma angariar quadros ligados a igrejas evangélicas.

Fora dos dez primeiros, o PSL, que era o partido do presidente Jair Bolsonaro, e o PRTB, do vice-presidente Hamilton Mourão, tiveram os maiores crescimentos percentuais no número de filiados. No PSL, eram 10,3 mil e, agora, 16,2 mil (56,2%). No PRTB, o salto foi de 1.766 para 3.017 (70,8%). A filiação do Coronel Mario Ikeda, ex-comandante da Brigada Militar, pode ter impulsionado as filiações ao PRTB.

Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral, compilados pelo site Política DF em números. Os números de abril refletem o cadastramento dos eleitores que se filiaram a algum partido política ainda com possibilidades de concorrerem nas eleições deste ano. O mês de março também permitiu a dança das cadeiras de quem tem mandato em câmaras municipais.

A maior queda percentual, entre os 33 partidos registrados no estado, foi do NOVO. O partido tinha 4 mil filiados em outubro de 2019 e, em abril de 2020, tinha 3.558, redução de 11,05%. Chamam a atenção, também, o número de filiados de partidos amplamente conhecidos, por participarem corriqueiramente de disputas eleitorais, como o PSTU, que tem 761 filiados no estado, o PCB, 186 filiados, e o PCO, 157.  

No Rio Grande do Sul, dos 8,3 milhões de eleitores cadastrados, 1,3 milhão está filiado a algum partido político, ou seja, 16,03% do eleitorado. Em termos percentuais, o estado só fica atrás de Roraima no acréscimo de eleitores filiados a algum partido político na comparação de outubro do ano passado com abril deste ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui