Pular para o conteúdo principal

Como a tecnologia está acabando com as greves

Conversando com os colegas do fórum GdH, chegamos à conclusão de que as greves, nos dias de hoje, são totalmente desnecessárias e sem efeito. Essa é uma discussão interessante, principalmente nesse momento em que nosso país esbanja corrupção e há um acirrado debate sobre reformas trabalhistas.



Basicamente, a greve tem por objetivo fazer com que o empregador cumpra alguma exigência dos empregados, mediante a paralisação da mão de obra (existem alguns casos em que os empregados produzem em excesso, desvalorizando o produto, mas em geral não é isso que acontece). Apesar de ser um direito legítimo de todo e qualquer trabalhador, assegurado pela Constituição Federal, essa atitude, nos dias de hoje, é, em geral, associada a movimentos de esquerda.


Quando se trata de empresas públicas, ou que prestam algum serviço essencial à população,  o dano criado pela greve é maior, pois vários cidadãos ficam sem a disponibilidade daquele serviço essencial. Em muitos casos, os trabalhadores ficam sem poder pagar suas contas ou sacar seus salários, porque os bancos estão fechados, ou até sem poder ir trabalhar, pois os ônibus estão nas garagens.


Felizmente, os avanços tecnológicos estão tornando os danos causados pelas greves cada vez menor. É claro que ainda temos muitos cidadãos prejudicados, mas esse número só tende a cair durante os anos. Senão, vejamos:




  • Quando ocorre uma greve nos bancos, vários trabalhadores ficam sem poder pagar suas contas e sacar seus salários. No entanto, essa preocupação, hoje, não deveria existir, afinal todos podemos pagar contas via internet, seja através do computador ou do celular. Alguns bancos permitem até tirar foto do código de barras para fazer os pagamentos e, para as outras situações, há o famoso cartão de débito. Ou seja, na prática a greve dos bancos é cada vez mais insignificante.

  • Quando ocorre uma greve nos correios, vários lojistas e clientes ficam sem enviar e receber suas encomendas. Claro que isso tem a ver com o famigerado monopólio dos Correios, mas um lojista poderia contratar, emergencialmente, uma transportadora privada para fazer as entregas. Poderia sair um pouco mais caro, mas seria uma medida emergencial.

  • A greve no setor do transporte público é, realmente, algo que ainda não estamos totalmente livres. Trabalhadores que exercem sua profissão em cidades atendidas por serviços como Uber ou Cabify podem contratar esses serviços e irem trabalhar enquanto ônibus sem as menores condições de conforto são queimados e depredados.

  • Greves em escolas e universidades realmente podem atrasar o ano letivo do aluno, mas isso não é motivo para ele parar de estudar, pois o mesmo pode encontrar vasto material na Internet e em vídeos no YouTube, talvez com explicações melhores do que seus professores.


Assim, vemos que a tecnologia atual nos permite substituir a maioria dos serviços dos quais ficaríamos privados em caso de greve. Estes movimentos, ainda bem, estão perdendo sua relevância a cada ano e, em breve, não terão mais qualquer impacto na sociedade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como acessar configurações avançadas no Sagemcom F@st 2704N

NOVO TUTORIAL: GUIA DEFINITIVO DAS CONFIGURAÇÕES AVANÇADAS DO SAGEMCOM F@ST 2704N!
Atualização 23/01/2015: Alguns problemas apontados e descobertos nesse modem:
1. Alguns usuários relatam dificuldade em salvar alterações na configuração ADSL;
2. Não sei como acessar os logs do modem; mesmo habilitando, eles não aparecem;
3. Se você trocar o DNS do modem, ele voltará ao da Oi ao ser reiniciado;
4. Estou enfrentando alguns problemas sérios de lentidão. Não sei se isso é relacionado ao modem ou a algum dispositivo na minha rede interna.
-----
Os modens da marca Sagemcom estão se tornando muito populares no Brasil, não, quiçá, por sua qualidade, mas porque eles são os atuais queridinhos das operadoras: quando você assina um plano ADSL, geralmente a operadora envia um modem wireless para sua casa a fim de que você possa navegar sem precisar ter gastos extras com esse equipamento. É claro que os equipamentos fornecidos pelas operadoras são básicos, mas saciam as necessidades dos usuários comuns - …

O Guia Definitivo das configurações avançadas no Sagemcom F@st 2704N

Há alguns meses, eu contei minha experiência com o Sagemcom F@st 2704N e tenho recebido diversos comentários sobre suas configurações avançadas. Agora que minhas aulas na faculdade estão acabando, resolvi reservar um tempinho para explorar melhor esse modem que, diga-se de passagem, é muito bom.