Pular para o conteúdo principal

Como saber se o carregador do celular está com defeito?

Recentemente, comecei a ter alguns problemas com o carregamento da bateria do meu Moto G de segunda geração, que comprei em 2014, logo que foi anunciado. Basicamente, o carregamento demorava mais do que o normal, com o sistema, em certa ocasião, informando que o mesmo seria concluído em sete horas, um verdadeiro absurdo!



Antes de condenar a bateria, resolvi aplicar uma navalha de Occam e investigar o carregador do aparelho. Por sorte, eventualmente encontrei outro carregador e cabo USB de um telefone da LG e pus meu smartphone para carregar. O resultado foi surpreendente: no carregador original, a tela demorava a se acender, informando o processo de carregamento e, neste outro, a mesma se acendeu assim que o liguei na tomada. O processo todo não demorou duas horas,


Mas eu precisava de dados concretos para comprovar minha teoria. Assim, baixei o aplicativo Ampère, da Google Play Store, que mede a corrente de entrada e de saida da bateria. Apesar de profissionais em eletrônica não considerarem aplicativos como este confiáveis, os resultados foram surpreendentes.


Primeiro, ao conectar o carregador da LG no cabo USB original da Motorola, o aplicativo acusou o carregamento, com 0mA, o que é um pouco estranho. Pouco tempo depois, porém, o mesmo acusou uma corrente de 500 mA (que, pouco depois, chegou a mais de 600), com valor mínimo de 380mA.


Carregador da LG com 0mA.


Carregador da LG com 500mA.


Em seguida, troquei o carregador pelo original do Moto G e pude perceber, além da demora para o início do carregamento, que o mesmo estava com 290 mA, com pico de 320, algo bem abaixo do da LG:


Carregador original com 290mA.


De acordo com este anúncio, vemos que a corrente de saída do carregador é de, aproximadamente 700mA, logo a corrente sendo entregue estava muito abaixo do nível máximo suportado. Mas foi só eu mudar o celular de lugar que o impensável aconteceu:


Carregador original entregando 20mA!


Portanto, além de comprovar que o carregador original estava defeituoso, há uma forte suspeita de que o cabo USB também possa estar avariado.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Como acessar configurações avançadas no Sagemcom F@st 2704N

NOVO TUTORIAL: GUIA DEFINITIVO DAS CONFIGURAÇÕES AVANÇADAS DO SAGEMCOM F@ST 2704N!
Atualização 23/01/2015: Alguns problemas apontados e descobertos nesse modem:
1. Alguns usuários relatam dificuldade em salvar alterações na configuração ADSL;
2. Não sei como acessar os logs do modem; mesmo habilitando, eles não aparecem;
3. Se você trocar o DNS do modem, ele voltará ao da Oi ao ser reiniciado;
4. Estou enfrentando alguns problemas sérios de lentidão. Não sei se isso é relacionado ao modem ou a algum dispositivo na minha rede interna.
-----
Os modens da marca Sagemcom estão se tornando muito populares no Brasil, não, quiçá, por sua qualidade, mas porque eles são os atuais queridinhos das operadoras: quando você assina um plano ADSL, geralmente a operadora envia um modem wireless para sua casa a fim de que você possa navegar sem precisar ter gastos extras com esse equipamento. É claro que os equipamentos fornecidos pelas operadoras são básicos, mas saciam as necessidades dos usuários comuns - …

O Guia Definitivo das configurações avançadas no Sagemcom F@st 2704N

Há alguns meses, eu contei minha experiência com o Sagemcom F@st 2704N e tenho recebido diversos comentários sobre suas configurações avançadas. Agora que minhas aulas na faculdade estão acabando, resolvi reservar um tempinho para explorar melhor esse modem que, diga-se de passagem, é muito bom.